Em que ano você nasceu?





Saiba tudo sobre o uso e conservação das canecas de cobre

Educacional
barman colocando hortelã em caneca de cobre

⍟ Febre mundial nos bares por meio do Moscow Mule, as canecas de cobre têm características especiais, mas requerem cuidados de limpeza e armazenamento para prolongar sua vida útil

Se você ama coquetelaria, certamente já bebeu um cocktail servido em uma caneca de cobre. Não estamos falando apenas sobre o Moscow Mule, que tradicionalmente pede uma caneca deste tipo – o Mint Julep também é um deles. O grande trunfo dos copos e mugs feitos com este material é, principalmente, garantir um drink bastante gelado e também com um sabor levemente diferenciado, além de, obviamente, chamar atenção do consumidor.

As canecas de cobre eram muito utilizadas na antiguidade. Faziam recipientes deste material para consumir água e outras bebidas,  armazenar líquidos, alimentos e outros insumos, pois acreditavam no seu poder de prevenir doenças e conservar a integridade desses materiais por mais tempo.

Em 1.600 A.C., por exemplo, um documento médico afirmava que o cobre podia acabar com infecções, por isso alguns soldados colocavam o material sobre feridas nas batalhas. E os chineses, inclusive, usavam moedas feitas deste material para tratar doenças estomacais.

Nos Estados Unidos, as canecas de cobre para bares, por outro lado, chegaram somente no século XX através de uma mulher imigrante – e continuam conosco até hoje.

drink mint julep em caneca de cobre
Outros drinks, como o Mint Julep, também são servidos em copos de cobre.

COBRE E AS TROCAS DE CALOR

Talvez o principal motivo para o uso das canecas de cobre no bar seja sua capacidade de manter o cocktail extremamente gelado. Isso deve-se, principalmente, à qualidade do cobre como condutor térmico.

A condutividade térmica é uma característica específica de cada material e depende de sua pureza e da temperatura em que se encontra. Em termos físicos, o Índice de Condutividade Térmica (ICT) do cobre é excelente, e seu valor de mercado é mais barato do que o de outros condutores como o grafeno, por exemplo.

Este é o motivo, inclusive, do cobre ser utilizado em redes de iluminação pública, fios de equipamentos elétricos e outros produtos. No bar, ele mantém a caneca e o drink gelados por mais tempo e afirma-se que o cobre dá destaque aos aromas das bebidas.

PUREZA: LEMBRA DA ABSOLUT ELYX?

A Absolut Elyx criou um novo padrão de vodkas de luxo. Sua qualidade e retrogosto são fruto da destilação em colunas de cobre que, entre outros benefícios, garantem pureza e sabor incomparáveis.

Mas não é só isso. O cobre também possui propriedades antibactericidas e esterilizantes que ajudam a manter as características da bebida. Mas se ouvir que consumir alimentos em contato com cobre pode causar doenças, não acredite. Intoxicações só acontecem com alimentos muito ácidos que ficam em contato com o cobre por longos períodos de tempo, algo improvável na rotina do bar.

Estudos recentes comprovaram que não existem riscos para o uso de copos, talheres ou recipientes feitos com o material e que, além de tudo, o cobre também está presente em nosso organismo com funções vitais, assim como o ferro.

canecas de cobre expostas
Canecas de cobre são duráveis e seguras para o uso no bar (Foto: Moscow Copper Co/Reprodução)

POR QUE OXIDA?

Assim como outros metais, o cobre também é suscetível à oxidação. Isso acontece porque, ao permanecer em contato com o ar e a umidade, por exemplo, vai perdendo lentamente seus elétrons e cria aos poucos uma camada de cor verde escura – a oxidação ou azinhavre.

LIMPEZA E CONSERVAÇÃO

Canecas oxidadas não ficam bem no bar. Por isso, é possível adotar alguns cuidados simples para mantê-las sempre lustrosas e conservadas. A Moscow Copper Co, considerada por muitos a detentora das canecas originais da bebida, explica que, após o consumo do cocktail pelos clientes, é importante lavar a caneca com sabão neutro, enxaguar com água morna e secá-la imediatamente para evitar oxidação. Guardá-la em local seco e arejado também é essencial.

Para retirar manchas de uso e oxidação, basta esfregar uma meia-lua de limão com sal nas canecas ou utensílios de cobre até que retornem à cor original. Para finalizar, basta enxaguar com água e secar bem. Outra opção é misturar de suco de limão e sal (o vinagre também funciona) e depois usar um pano para macio para esfregar a mancha. No final é só lavar com água e secar.

Porém, fique atento aos fornecedores de canecas de cobre para o bar, pois algumas marcas, principalmente as mais baratas, podem não trabalhar com cobre puro, o que muda suas características de condutibilidade, limpeza e conservação. Além disso, também são vendidas canecas de cobre cobertas em verniz, que impede a oxidação do material.

Agora que você já sabe mais detalhes sobre o uso e a conservação das canecas de cobre, conheça a história do Moscow Mule, o principal drink a popularizá-las:

Moscow Mule: saiba como três fracassos deram origem a um sucesso

Você vai gostar de ler!

drink cereja amarelo em cima da mesa

Conheça o ‘Cereja Amarelo’, drink vencedor da Batalha do Clube by Kahlúa

⍟ Criada por um fotógrafo especializado em coquetelaria, receita quebra padrão dos cocktails à base de café e confere sabores mais frutados ao paladar ...

drink de inverno

7 drinks com The Glenlivet para aquecer seu bar neste inverno

⍟ Whisky tem se provado cada vez mais uma bebida que não tem hora nem lugar ideal. Aprenda sete receitas para preparar no seu bar na estação mais fria do ...

drinks em geladeira para delivery do espaço 13

Drinks engarrafados: delivery, precificação e experiência

⍟ Na segunda parte da série sobre drinks engarrafados, abordamos a precificação dos cocktails para delivery, cuidados necessários no transporte e as ...

Escreva o seu comentário:

O seu e-mail não será divulgado.

Menu deslizante