fbpx
Em que ano você nasceu?






E se a gente agradecesse?

Hard Shake
james guimarães

⍟  Hoje é um bom dia para homenagearmos um amigo que muito contribuiu – e ainda contribui – para o fortalecimento dos profissionais de bar de todo o Brasil

Publicado em 10 de maio de 2018, às 11 horas.

Esse texto não será sobre técnicas, profissionalismo ou qualquer assunto específico relativo ao ofício de bartender. Para falar a verdade, é sobre todos esses assuntos reunidos. Há 12 anos surgia o Clube do Barman, uma forma que os mixologistas da Pernod Ricard Brasil encontraram de se comunicar diretamente com os profissionais que, na época, ainda não tinham acesso às variadas fontes de informação que a internet oferece hoje. Eu era fissurado pela revista e tenho todas as edições até hoje. Pela primeira vez, nós bartenders, tínhamos todas as novidades do mundo do bar reunidas em uma publicação voltada especialmente para o nosso trabalho.

Um dos responsáveis por isso é James Guimarães. Nosso amigo foi um dos primeiros mixologistas do país – partindo do princípio que mixologista não é bartender nem embaixador de marcas – e já trabalhava com Absolut Vodka antes mesmo da marca entrar no portfólio de bebidas da Pernod Ricard Brasil.

NETWORKING E EXPERIÊNCIAS

Com o lançamento das revistas do Clube, vieram também os encontros periódicos entre barmen. Essas reuniões foram responsáveis por grande parte do networking que me fez crescer no setor. Foram nelas que ouvi pela primeira vez alguém falar sobre uma série de técnicas que caíram na graça de profissionais somente anos depois – pioneirismo sustentado pelo Clube do Barman até hoje, na plataforma on-line e nas redes sociais.

Vencedores do Absolut Creative Drinks 2014

Não bastasse o networking e as trocas de conhecimento, o Clube trouxe também as competições de coquetelaria que ajudaram a mudar a carreira de muitos bartenders, garantindo experiências únicas no Brasil e no exterior.

Foi em um destes campeonatos que o Clube do Barman cruzou mais uma vez o meu destino. Em 2014, conquistei o top 3 em duas competições no mesmo ano: Jameson Bartender’s Ball e Absolut Creative Drinks. Esta última me presenteou como a melhor viagem da minha vida, uma experiência que nem todo o dinheiro do mundo me proporcionaria, com direito à visitar a destilaria da marca, estar perto de toda a produção e conhecer os melhores bares londrinos.

GRATIDÃO

James e Mariachi em evento realizado pelo Clube do Barman em 2015

Minha postura sempre foi de gratidão à plataforma e de muita admiração por tudo que o James fazia. Afinal, eu já vinha navegando vertente educacional da área desde 2005. Na melhor fase da minha carreira, James me fez um convite impossível de ser recusado: entrar para o time de mixologistas da Pernod Ricard Brasil.

Se você parar para pensar, isso é quase um novo campeonato. A concorrência é tão acirrada quanto uma vaga no vestibular da FUVEST.

Fato é que não foi fácil sair de trás do balcão, entrar em uma multinacional e enfrentar novos desafios. São muitas muitas nomenclaturas, departamentos e funções corporativas que eu nem fazia ideia que existiam na indústria de bebidas. Eu bati muito a cabeça – mas sempre tive o apoio do James.

Hoje, ele se despede do nosso time e deixa seu eterno filho em minhas mãos, nas de João Morandi, Marcos Néia e todo o time que faz o Clube do Barman ser a referência que é hoje.

Obrigado por tudo, James! Mais do que um grande amigo e colega de trabalho, você é uma inspiração e um exemplo a ser seguido.

Que sua trajetória seja tão linda daqui em diante quanto foi até agora!

Cheers!

Por Rafael Mariachi

• Mixologista da Pernod Ricard Brasil 

As opiniões expressas neste artigo não representam necessariamente a opinião do Clube do Barman ou da Pernod Ricard Brasil e são de completa responsabilidade de seu autor.

Você vai gostar de ler!

Como preparar drinks com a técnica de throwing

UTENSÍLIOS PARA ESTA AULA Colher bailarina  – Coqueteleira de Boston –  Julep ou Hawthorne Strainer  –  Jigger   –  Taça ...

Antes e depois da geladeira: um marco da modernidade para a coquetelaria

⍟ Já parou pra pensar que não existia geladeira no Brasil até outro dia? Faça uma pequena viagem no tempo conosco e descubra como esse importante ...

Como preparar drinks montados

UTENSÍLIOS PARA ESTA AULA Colher bailarina  –  Hawthorne Strainer  –  Jigger  –  Faca  –  Taça Borgogne INGREDIENTES ...

One commentOn E se a gente agradecesse?

Escreva o seu comentário:

O seu e-mail não será divulgado.

Menu deslizante