Em que ano você nasceu?





Séverine Frerson é a primeira mulher a ser chef de cave da Maison Perrier-Jouët

Notícias
séverine frerson degustando taça de champagne perrier-jouet

⍟ Profissional experiente no mundo do champagne, Séverine Frerson passou por período de aprendizado com o ex-chef de cave e agora assume a produção de Perrier-Jouët

Publicado em 29 de outubro de 2020, às 11 horas.

Após dois anos de aprendizado intenso com Hervé Deschamps, responsável pela produção da Maison Perrier-Joüet, Séverine Frerson assumiu, este mês, o cargo de chef de cave da marca. Com isso, ela se tornou a oitava pessoa em 200 anos a exercer este trabalho nas adegas de Perrier-Jouët – sendo a primeira mulher nesta posição.

Ao final de uma série de eventos que foram transmitidos ao vivo em vários países, Séverine Frerson recebeu de Deschamps, seguindo a tradição, a chave do Eden, a adega exclusiva que contém os mais raros cuvées (vinhos de base) envelhecidos de Perrier-Jouët. Agora, será sua responsabilidade dar continuidade à produção de excelência e perpetuar o estilo floral único pelo qual os vinhos da maison são reconhecidos ao redor do mundo.

Hervé Deschamps ficou à frente da marca por mais de vinte anos, seguindo à risca o conselho de seu antecessor, André Baveret: “Mantenha a Perrier-Jouët onde ela pertence. É fácil fazer bons vinhos com boas uvas”. Agora, passou o conselho adiante.

séverine frerson
Séverine Frerson na Maison Perrier-Jouët.

EXPERTISE DE SÉVERINE FRERSON

Antes de chegar à nova maison, Séverine Frerson já acumulava mais de dez anos como chef de cave de outra grande produtora de bebida da região. A história da profissional é fortemente ligada ao mundo do champagne. Ainda aos 15 anos, ela escolheu a enologia como carreira e se manteve firme na decisão, desafiando aqueles que afirmavam que esta indústria era masculina.

Nativa da região de Champagne, ela não nasceu em uma família de vinicultores, mas tem memórias vivas dos dias que passava com amigos em vinhedos de Verzenay. Ela se lembra também da empolgação da colheita da uva e do odor das prensas, assim como se recorda do cheiro da geleia de morango caseira de sua avó – da qual se lembrou na primeira vez em que provou o Perrier-Jouët Blason Rosé, com doces aromas de frutas vermelhas.

A intuição também é parte importante da profissão. Ao selecionar os vinhos que farão parte de um blend, muitas vezes escolhe sem olhar primeiro para sua procedência, para prová-lo sem preconceitos. Segundo a equipe da maison, uma única degustação é tudo o que Séverine precisa para se lembrar de um vinho, depois ela o classifica em uma das inúmeras gavetas que compõem sua biblioteca mental.

Em 2018, Christophe Danneaux, vice-presidente de champagne e diretor de negócios da Perrier-Jouët, fez elogios à Séverine em sua chegada à maison. “Nossa história é marcada por Rose-Adélaïde Jouët, que fundou a Maison com seu marido Pierre-Nicolas Perrier em 1811. Seu grande caráter, determinação e ousadia, tal qual Séverine Frerson, cujo amor pelo vinho. aposta na qualidade e apego ao terroir, se alinham com a filosofia da nossa Maison.”

séverine frerson e Hervé Deschamps
Hervé Deschamps entrega as chaves da cave para Séverine Frerson. (Foto: Stephane Cardinale/Getty Images)

CERIMÔNIA DE POSSE

Os convidados que participaram do evento da entrega das chaves desfrutaram também uma degustação excepcional de cuvées emblemáticos da maison oferecida por Séverine Frerson e Hervé Deschamps.

A cerimônia foi um marco na história da marca e aconteceu na Maison Belle Epoque, propriedade da família fundadora da Maison Perrier-Jouët. A ocasião foi festejada com um jantar do chef três estrelas, Pierre Gagnaire, um dos Artesãos da Natureza da Casa. A elegância dos champanhes de Perrier-Jouët foi harmonizada com a cozinha refinada de Gagnaire em diferentes pratos autorais.

Perrier-Jouët é uma das marcas mais emblemáticas do mundo do champagne. Saiba mais sobre a bebida através de oito curiosidades:

8 curiosidades sobre champagne para celebrar sua data mundial

Você vai gostar de ler!

duas taças de gin tônica beefeater

Dia Mundial do Gin Tônica: 4 motivos para escolher Beefeater Gin

⍟ Em 19 de outubro é comemorado o Dia Mundial da Gin Tônica, um dos cocktails mais populares no Brasil e no mundo. Nesta matéria, veja quatro motivos ...

dois drinks em cima de um guardanapo

Artigo | Amor: ingrediente fundamental para a coquetelaria

⍟ Primeiro jurado técnico da nova temporada do Bar Aberto reflete sobre a importância do amor para as experiências etílicas Publicado em 18 de outubro de ...

leandro santos bar aberto

Leandro Santos: “O nível dos participantes aumentou em comparação com a temporada anterior”

⍟ Jurado técnico do primeiro episódio, Leandro Santos foi também o vencedor da primeira temporada do Bar Aberto. Produtor de conteúdo digital sobre ...

Escreva o seu comentário:

O seu e-mail não será divulgado.

Menu deslizante