Em que ano você nasceu?





Renan Tarantino leva Brasil ao Top 7 do Jameson Bartenders’ Ball 2017

Bartenders' Ball Competições

⍟ Responsável pelo balcão do Sky Hall, em São Paulo, barman teve o drink Sabiá reconhecido como um dos sete melhores do mundo na Irlanda

Publicado em 25 de julho de 2017, às 11h.

Setenta e duas horas intensas de aprendizado, amizade e concentração ao lado dos melhores bartenders do mundo. Essa foi a rotina do barman paulistano Renan Tarantino, no mês passado, quando esteve na Irlanda representando o Brasil no Jameson Bartenders Ball. Pela primeira vez, o país ficou classificado entre os sete melhores da etapa global da competição.

Ele viajou com a equipe de representantes da marca para Dublin, onde participou de aulas sobre o whiskey irlandês, visitou a destilaria da bebida e conheceu seus principais processos de fabricação. Tudo isso além de festas e da própria competição, em um clima de amizade entre os 30 competidores.

“Uma sensação que tive durante todo o campeonato, é que eu olhava para os outros competidores e não via um rival sequer. Todos estavam na vibe de se divertir e aproveitar a experiência ao máximo, construir vínculos uns com os outros”. Para ele, a própria atmosfera hospitaleira da Irlanda teve seu papel neste sentimento. “Nós nos sentimos muito bem acolhidos não apenas pelo país, que tem essa característica, mas por toda a equipe da Jameson de lá”.

Jameson Destillery
Bartenders visitaram a destilaria de  Jameson e aprenderam sobre a produção da bebida

VISITAS À DESTILARIA E COMPETIÇÃO

Na New Midleton Destillery, o barman aprendeu sobre a produção de Jameson desde o plantio da cevada até o envelhecimento da bebida em barris. Ele presenciou a fabricação da bebida e afirma que entendeu a empolgação e ritualismo que envolvem a marca. “Quando você abre um barril, é uma experiência incrível. Ver e sentir o cheiro da destilaria e do envelhecimento do whisky então, não dá pra explicar. Estar lá, sentir a temperatura e a atmosfera da destilaria é algo único. O álcool foi destilado na nossa frente para provarmos”.

No dia da competição, Tarantino aproveitou a harmonia e ajuda mútua entre os competidores. Entre tantas nacionalidades, ele explica que foi interessante ver a interpretação de cada participante sobre os sabores de seu próprio país. “Isso me mostrou algumas ideias novas, ingredientes e coisas que eu ainda não conhecia. Foi uma troca de experiências e informações muito legal”.

O júri foi composto pelo Master Blender da marca, Billy Leighton, pelo bartender e embaixador Oisin Davis e o vencedor da última edição do campeonato, Kazuhisa Arai. Os bartenders foram avaliados pelo sabor de seu drink, a apresentação e personalidade do profissional.

Juntos, eles provaram e ouviram a história de cada uma das 30 bebidas concorrentes. Em seguida, o júri anunciou os sete países com melhor colocação: Espanha, Eslováquia, Itália, Estados Unidos, Brasil, Polônia e Japão. O Bartenders Ball define apenas o primeiro lugar e os demais finalistas dividem o top sete, entre eles, Renan Tarantino.

O drink Sabiá  é uma homenagem ao Brasil com referência ao poema Canção do Exílio, de Gonçalves Dias. Ele combina Jameson Irish Whiskey, purê de pitanga, compota de abacaxi, falernum do Pará e limão cravo.

Para ele, estar entre os primeiros já é sinônimo de vitória. “Subir no palco é uma experiência única. Depois de tanto trabalho e tantos percalços que passamos, é muito bom. Quando você vê que você está lá, em evidência, com oportunidade de ganhar, de ser o melhor,  é demais!”. 

Bartender Barbora Tapusiková levou o primeiro lugar (Foto: Reprodução/Instagram)

PRIMEIRO LUGAR

Como na competição existe apenas a premiação do primeiro lugar, a grande vencedora da etapa global foi Barbora Tapusiková, da Eslováquia. Com apenas 21 anos de idade, ela trabalha há 12 meses profissionalmente atrás do balcão da Urban House, em Bratislava.

O Bartenders Ball deste ano foi sua primeira competição e, por coincidência, também sua primeira vitória. O drink vencedor se chama 14 November. Ele é feito com Jameson Irish Whiskey, conserva de pepinos, xarope de cerveja com alecrim, chá de limão e aipo amargo. Como guarnição, pequenas cebolas em conserva.

Você vai gostar de ler!

márcio silva uma das pessoas mais influentes da indústria de bebidas

Márcio Silva é eleito uma das cem pessoas mais influentes da indústria pela quarta vez

⍟  Ranking elaborado pela Revista Drinks International reconhece bartenders, destiladores, embaixadores e outros profissionais com grande influência no ...

Havana Club Selección de Maestros: um rum feito a várias mãos

⍟ Um dos rótulos mais especiais de Havana Club é feito a partir dos melhores blends escolhidos por seus maestros roneros, e produzido de forma ...

Morre o bartender Rafael Domingues, ex-Frank Bar

⍟ O barman, que atualmente trabalhava como gerente de bar no Nit (SP), faleceu na noite de ontem (28). Publicado em 29 de junho de 2022. Rafael Pires ...

Escreva o seu comentário:

O seu e-mail não será divulgado.

Menu deslizante